Menu

sábado, 20 de dezembro de 2014

Resenha #16 - A Seleção - Kiera Cass


Sinopse: Para trinta e cinco garotas, a Seleção é a chance de suas vidas. A oportunidade de escapar da vida estabelecida para elas desde o nascimento. Entrar em um mundo de vestido brilhantes e joias de valor inestimável. De viver em um palácio e competir pelo coração do lindo Príncipe Maxon. Mas para America Singer, ser Selecionada é um pesadelo. Isso significa virar as costas para seu amor secreto com Aspen, que é de uma casta menor que a dela. Deixar sua casa para entrar em uma competição acirrada por uma coroa que ela não quer. Viver em um palácio constantemente ameaçado por rebeldes violentos. Então, America conhece Príncipe Maxon. Gradualmente, ela começa a questionar todos os planos que fez para si mesma- e percebe que a vida que ela sempre sonhou não é nada comparada com o futuro que ela nunca imaginou. The Selection é escrito em primeira pessoa, do ponto de vista de America Singer (e sim, ela é uma cantora). O livro se passa no futuro, em um novo país chamado Iléa, que fica onde costumavam ser os Estados Unidos.
A sociedade de Iléa é dividida em níveis que vão de 1 a 8, sendo 1 a família real e 8 os "mendigos", e desde o início o livro é um pouco chocante, pois America é pobre e vive em uma realidade onde as pessoas passam fome diariamente e alguns até morrem de exaustão. Ela é apaixonada por um jovem chama Aspen, que é ainda mais pobre que ela, e America passa um bom tempo fazendo planos para o futuro dos dois, com direito a casamento e filhos. Infelizmente, tudo muda quando America é escolhida para A Seleção, uma competição onde 35 jovens tentam ganhar o coração do príncipe (e, de quebra, conseguir uma coroa e muito dinheiro).
>> Comprei A Seleção por influencia de um amigo meu, comecei a ler o livro e á cada pagina me apaixonava pela história da America com o Principe Maxon. Há momentos felizes e tristes nesse livro, e o que fez eu "morrer de amores" por ele foi na verdade, a simplicidade. Um livro que entrou no mercado literário em um momento que a literatura enfrentava uma 'rebelião' literária é realmente desafiador. Na minha opinião, A Seleção é um livro cativante e muito doce e simples. Amei ele por isto, por me lembrar que carinho e amor sempre serão importantes não importa o tempo em que vivemos. Aprendi que você nunca pode tentar contrariar seu coração, que nunca devemos reprimir o que sentimos e que nunca podemos esquecer que cada batida de nosso coraçao sem amor é uma batida perdida.
Algumas das minhas frases favoritas:
“Nós dois nunca fomos apenas amigos. Desde o primeiro momento em que o vi, eu o amei.”
“O amor verdadeiro é geralmente o mais inconveniente.”
“Ele entrava na minha cabeça e parecia não querer sair”
“Sei o que sinto por você. Talvez seja impulsivo da minha parte ter tanta certeza, mas estou certo de que seria feliz com você.“
Dhara Gedhaias



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário , adorarei responde-lo :)